Como garantir o engajamento dos colaboradores nos treinamentos de sua empresa

Os treinamentos de QSMS-RS & Sustentabilidade são  imprescindíveis para qualquer organização por inúmeras razões, incluindo o cumprimento das obrigações de conformidade, bem como a manutenção de uma cultura de segurança positiva. Agora, com o processo ESG batendo na porta nem se fala.

No entanto, essas atividades às vezes são vistas como chatas ou mais uma tarefa a cumprir tabela. Assim, pode ser complicado garantir que as lições do seus treinamentos fiquem no coração e mente dos colaboradores.

Com a abordagem correta, os gestores de QSMS-RS & Sustentabilidade  podem promover uma melhor retenção de conceitos importantes de treinamento entre suas forças de trabalho.

Aqui estão algumas práticas recomendadas, que fui aprendendo e desenvolvendo ao longo de minha carreira, e que podem ajudá-los (as) a passar para os colaboradores em sala de aula e fornecer uma maior chance de que seu treinamentos sejam realmente efetivos.

1) Concentre-se na cultura da sua empresa de cima para baixo

Em primeiro lugar, a cultura forte em QSM-RS & Sustentabilidade é sua aliada invisível em fornecer melhor treinamento .

É importante que os líderes de toda a sua organização cumpram políticas, regras e regulamentos abordados em seu treinamento de segurança.

Se eles não respeitam, por que seus empregados deveriam?

Sem suporte gerencial, os treinamentos não ficarão com mais ninguém dentro da sua organização.

Ao desenvolver seus materiais de treinamento, considere a cultura geral da sua empresa ou a cultura que você está tentando acentuar em toda a sua organização.

Por exemplo, se você está incluindo informações sobre o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) no chão de fábrica, também inclua informações sobre como líderes e gerentes também são obrigados a seguir essas regras. 

Compliance, mudança e cultura de uma empresa sempre começam no topo em uma organização.

2) Incentivar a responsabilidade diária

Encorajar seus colaboradores a responsabilizar a si mesmos e seus pares diariamente também garantirá os ensinamentos

Considere designar parceiros de segurança, por exemplo, que servem como observadores para colaboradores que operam máquinas pesadas ou trabalham em condições perigosas.

Dessa forma, um colaborador pode apontar para outro quando ela ou ele está fazendo algo inseguro.

Quando os colaboradores não são meramente responsáveis pela gestão, mas também têm interesse em proteger  segurança uns dos outros também, eles terão mais chances de se envolver e reter o treinamentos

3) Use dados e análises para verificar a eficácia do seu treinamento

Se o seu treinamento  estiver realmente aderindo aos seus colaboradores, você será capaz de descobrir dados e análises que comprovem sua eficácia.

Por exemplo, se você realizar treinamento para como lidar com equipamentos perigosos com segurança ou gerenciamento adequado de resíduos perigosos, você saberá que está assimilado em seus colaboradores quando menos lesões ocorrem, menos citações são emitidas de agências reguladoras e auditorias internas de QSMS-RS & Sustentabilidade demonstram conformidade e prontidão cultural.

Estamos juntos!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos Relacionados

Esteja antenado às novidades do SST

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Nossos Cursos

Meteórico GRO e FAP

Chegou a hora de você ter seu trabalho de SST visto como um investimento e ser muito bem pago para isso ​

PCMSO da nova SST, com Dr Rafael calixto

Aprenda TUDO que você precisa saber da NR-7 na nova SST com exemplos práticos, ferramentas e estudos de caso, e também como a gestão do PCMSO se adequa ao PGR e eSocial!

Mentoria FAP Expert

chegou a hora de você Dominar de uma vez por todas A gestão do FAP e sua carreira como Profissional de sst.

Mentoria GRO e PGR

Torne-se um profissional de SST valorizado no mercado, cobiçado pelas empresas e melhor remunerado em