Novembro azul: um homem morre a cada 38 minutos de câncer de próstata no Brasil

A cada 38 minutos um homem morre de câncer de próstata no Brasil. Os números, de fato, assustam e indicam que a doença é o tipo mais comum de câncer entre os homens e a causa da morte de 28,6%, segundo o Ministério da Saúde, da população masculina no Brasil.

Não é à toa que durante todo o mês de novembro, o mundo “se veste” de azul para lembrar a importância de combater esta doença que, se descoberta de forma precoce, tem 90% e chance de cura.

Mas se descoberto cedo, por que tantos homens ainda morrem? Preconceito pode ser uma das respostas.

Isto porque o exame preventivo da doença consiste na introdução do dedo indicador do médico especialista, protegido por luva de látex e lubrificado, no ânus do paciente.

É complicado saber que muitos morrem apenas por não quererem “ferir a masculinidade”, né?!

No Dia Mundial do Combate ao Câncer de Próstata, lembrado em 17 de novembro, nós te convidamos a entender um pouco mais sobre a doença:

O que é o câncer de próstata

O câncer de próstata é o resultado de uma multiplicação desordenada das células da próstata. Quando há presença de câncer, a glândula endurece. Na fase inicial, o câncer de próstata não tem sintomas. Em 95% dos casos, eles aparecem em estágio avançado.

Portanto, exames preventivos frequentes são fundamentais para que a doença não seja descoberta em estado avançado. Homens a partir dos 50 anos de idade (ou 45, se houver casos de câncer de próstata na família), devem procurar um urologista anualmente para realizar os exames preventivos.

Conheça os sintomas

Na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas e quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores, como apontamos acima,  já estão em fase avançada, dificultando a cura. Na fase avançada, os sintomas são:

  • dor óssea;
  • dores ao urinar;
  • vontade de urinar com frequência;
  • presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Fatores de risco:

  • histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio;
  • raça: homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer;
  • obesidade.

Como é feita a prevenção?

A única forma de garantir a cura do câncer de próstata é o diagnóstico precoce. Mesmo na ausência de sintomas, lembramos que homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores, devem ir ao urologista para conversar sobre o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula

Cerca de 20% dos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal. Outros exames poderão ser solicitados se houver suspeita de câncer de próstata, como as biópsias, que retiram fragmentos da próstata para análise, guiadas pelo ultrassom transretal.

A indicação da melhor forma de tratamento vai depender de vários aspectos, como estado de saúde atual, avanço da doença e expectativa de vida. Em casos de tumores de baixa agressividade há a opção da vigilância ativa, na qual periodicamente se faz um monitoramento da evolução da doença intervindo se houver progressão da mesma.

Campanha Novembro Azul

A Campanha Novembro Azul, responsável pela conscientização do câncer de próstata, surgiu no ano de 1999 na Austrália, com um grupo de amigos que decidiram deixar o bigode crescer, a fim de chamar atenção para a saúde masculina. O grupo realizava ações e o que arrecadava, era doado às instituições de caridade.

Com o sucesso do movimento, em 2004 foi criada a Movember Foundation Charity, sendo Movember a junção de Moustache (bigode) com November (novembro). Na campanha é também pregado o No Shave November, que em tradução literal significa Novembro Sem Barbear. Por isso, o bigode, juntamente com a cor azul ficou conhecido como símbolo da campanha.

No Brasil, a Campanha Novembro Azul foi trazida pelo Instituto Lado a Lado Pela Vida em parceria com a Sociedade Brasileira de Urologia.

Não deixe  para depois, cuidar da saúde também coisa de homem! 😉

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos Relacionados

Esteja antenado às novidades do SST

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Nossos Cursos

Meteórico GRO e FAP

Chegou a hora de você ter seu trabalho de SST visto como um investimento e ser muito bem pago para isso ​

PCMSO da nova SST, com Dr Rafael calixto

Aprenda TUDO que você precisa saber da NR-7 na nova SST com exemplos práticos, ferramentas e estudos de caso, e também como a gestão do PCMSO se adequa ao PGR e eSocial!

Mentoria FAP Expert

chegou a hora de você Dominar de uma vez por todas A gestão do FAP e sua carreira como Profissional de sst.

Mentoria GRO e PGR

Torne-se um profissional de SST valorizado no mercado, cobiçado pelas empresas e melhor remunerado em